Desafio Literário: A Revolução dos Bichos, de George Orwell

Olá, pessoal!

O Desafio Literário 2013 estipulou que no mês de março teríamos de ler um livro relacionado a animais protagonistas. E como eu sou atrasilda, vim fazer a resenha de Março só agora! hahaha

Bom, vamos ao que interessa!

2013-02-25 18.05.53

A edição que tenho de A revolução dos bichos é da Companhia das Letras e com tradução de Heitor Aquino Ferreira. A grafia é atualizada com o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa de 1990, que entrou em vigor no Brasil em 2009. As páginas são amareladas, como dá para ver na foto abaixo.

2013-02-25 18.06.11

As letras são grandes e o livro tem 147 páginas (contando com o Posfácio feito por Christopher Hitchens).

George Orwell, na verdade, se chamava Eric Arthur Blair, nasceu na Índia e foi educado na Inglaterra. Em seus livros mais famosos, A revolução dos bichos 1984, ele mostra toda a descrença e o medo que os ingleses tinham do comunismo. Ambos criticam esse sistema político como uma revolução que não leva a nada, uma revolução que, no fim das contas, leva à uma sociedade dividida. Enquanto 1984 é mais chocante, A Revolução dos Bichos surpreende pelas metáforas e pela genialidade de Orwell.

2013-02-27 13.16.38

Sinopse: Cansados da exploração a que são submetidos pelos humanos, os animais da Granja do Solar rebelam-se contra seus donos e tomam posse da fazenda, com o objetivo de instituir um sistema cooperativo e igualitário, sob o slogan “Quatro pernas bom, duas pernas ruim.”

Mas não demora muito para que alguns bichos – em particular os mais inteligentes, os porcos – voltem a usufruir de privilégios, reinstituindo aos poucos um regime de opressão, agora inspirado no lema “Todos os bichos são iguais, mas alguns bichos são mais iguais que outros.”

Instrumentalizada na época da Guerra Fria como arma anticomunista, A revolução dos bichos  transcende os marcos históricos da ditadura stalinista que a inspirou e resplandece hoje, passados mais de sessenta anos de seu surgimento, como uma das mais extraordinárias fábulas sobre o poder que a literatura já produziu.

Compre AQUI, por aproximadamente 20 reais.

“(…) Doze vozes gritavam, cheias de ódio, e eram todos iguais.

Não havia dúvida, agora, quanto ao que sucedera à fisionomia dos porcos.

As criaturas de fora olhavam de um porco para um homem,

de um homem para um porco e de um porco para um homem outra vez;

mas já se tornara impossível distinguir, quem era homem, quem era porco.”

– A Revolução dos Bichos, de George Orwell

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s